19/03/2008

.: QUADRINHOS .: Quentinhas da Wizard World 2008

* Parece que a Marvel vai mesmo caprichar na série “Secret Invasion” - que, segundo consta, será um evento megagrandioso, tipo “Guerra Civil”. A invasão dos Skrulls terá uma porrada de minis e especiais ao redor da saga principal, além de diversas revistas mensais que vão entrar diretamente na roda. Como Brian Michael Bendis escreve, além de “Secret Invasion”, os títulos “New Avengers” e “Mighty Avengers”, sabe-se que estes dois estarão intimamente ligados aos aliens de queixo bizarro. Aliás, sempre tive uma dúvida: será que a mãe do Thanos andou pulando a cerca com um skrull? Aquele queixo nunca me enganou...

* Tim Sale volta a Marvel para nova minissérie temática ao lado de Jeph Loeb. Continuando as referências a cores, depois de “Hulk: Cinza”, “Homem-Aranha: Azul” e “Demolidor: Amarelo”, será a vez de “Captain America: White” – sobre o passado do Bandeiroso. Um amigo dizia que seria fantástico ver o especial “Estrela Polar: Cor de Rosa”, mas eu achei pura maldade.

* Em “Uncanny X-Men #500”, a ser publicada nos EUA em julho, a equipe mutante vai se reunir de novo após os eventos de “Messiah Complex". Mas a nova formação não será tradicional, de acordo com o que explica o roteirista Matt Fraction. “Será um grande elenco. Vamos fazer um rodízio de personagens”. Alguém aí andou assistindo ao desenho “Liga da Justiça Sem Limites”...

* Enquanto isso, na DC, o escritor James Robinson prepara um novo projeto. E se trata, vejam só, de uma nova equipe da Liga da Justiça, chamada apenas de “The Justice League” – em oposição ao grupo original, batizado de “The Justice League of America”. O líder será ninguém menos do que Hal Jordan, o Lanterna Verde, que, depois da “Crise Final”, vai querer um time capaz de resolver de fato os problemas do planeta, colocando a mão na massa de verdade. Sabe-se que o Arqueiro Verde está na jogada, ao lado da Supergirl, da nova Batwoman e de Ray Palmer. Este último, por sinal, ainda mantém seus poderes, mas não mais utiliza o codinome de Eléktron. Bastava colocar o Flash, o Gavião Negro e o Asa Noturna para ser a minha Liga da Justiça dos sonhos.

* O Esquadrão Supremo vai voltar como série contínua, desta vez com roteiros de Howard Chaykin. J.Michael Stradcvduyfgd4fytf deve estar tiririca da vida depois daquela história toda de “Brand New Day” e “One More Day” do Aranha e acabou ficando de fora.

* Por falar no aracnídeo, Joe Kelly vai entrar para o time de roteiristas de “Amazing Spider-Man”, a única revista publicada três vezes ao mês e com três diferentes equipes criativas da qual se tem notícia. Mas o Joe Kelly não era exclusivo da DC?

* Peter David retornará à mente perturbada do velocista Mercúrio, filho de Magneto, na edição especial “X-Factor: The Quick and the Dead”. Quem leu o que aconteceu com o cara depois de “Dinastia M”, quando sua irmãzinha Wanda pirou e acabou com quase toda a população mutante, sabe que o sujeito não anda muito bem das idéias...

Nenhum comentário: