04/06/2008

.: CINEMA .: O Deus do Trovão na telona

Agora que a Marvel está comemorando os frutos de seu “Homem de Ferro”, primeiro filme 100% financiado pelo estúdio-filho da popular editora de quadrinhos, o anúncio oficial de “Homem de Ferro 2” e dos vindouros “Thor”, “Capitão América” e, finalmente, “Os Vingadores” (reunindo o Ferroso, o novo Hulk, o Thor e o Capitão Bandeira) deixou os nerds em polvorosa. E começaram as saltitar notícias – algumas delas verdadeiras, outras nitidamente boatos.


Matthew McConaughey, por exemplo, foi citado como provável escolha para o papel de Steve Rogers – embora eu só consiga enxergar o Brad Pitt, vivenciando um militar recalcado no naipe da versão “ultimate” do personagem. Mas e não é que, vejam, o próprio Pitt está sendo citado como candidato ao papel do Thor?

De acordo com a galera do site LatinoReview, o nome do Sr.Jolie vem sendo ventilado justamente pelo sucesso de Robert Downey Jr., ator que até então seria inimaginável como um super-herói, na pele metálica de Tony Stark.

Será? Sei que o Pitt pode ser um baita dum ator quando temos um diretor de mão firme por trás dele (ui!), como foi o caso de David Fincher (“Seven”, “Clube da Luta”) e Terry Gilliam (“Os 12 Macacos”). Mas vejam o mico épico que ele cometeu em “Tróia”, interpretando o igualmente heróico Aquiles. E se a gente pensar que o bom Matthew Vaughan (“Stardust”) estaria definitivamente afastado do projeto, eu fico torcendo para convidarem logo um cara como o John McTiernan, que fez aquele “Dungeons & Dragons conhece Al-Quadim” que atende pelo título de “13º Guerreiro”. Ou mesmo o Marcus Nispel, de “Desbravadores” (aliás, o Karl Urban seria um bom Thor, hein?).

Se eles assumem, podem chamar o Pitt no boa. E para realizar os desejos do Emílio Elfo, que tal a Angelina Jolie numa ponta como Hela?

Nenhum comentário: