02/12/2008

.: FRASE DA SEMANA .: Tom Zé*

“Não, Caetano (...) eu não posso aceitar agora o seu colo e do grupo baiano, que durante todos esses anos me separaram até do que era meu, enquanto gozavam todo o prestígio e privilégios, talvez como ninguém mais neste país analfabeto”

* Comentário em resposta ao elogio que Caetano Veloso fez para o novo disco de Tom Zé, “Estudando a Bossa - Nordeste Plaza”. Vejamos: o Tom Zé é meio marrento mesmo. E este comentário é totalmente magoadinho. Só que, vamos combinar: estava mais do que na hora de ouvir o nosso Bob Dylan de Irajá dizer umas verdades aos tropicalistas, que o tratavam como um elemento à parte no “movimento” - quando, na verdade, a antropofagia cultural propagada por eles já era feita por Tom Zé havia um tempão...

Nenhum comentário: