11/08/2009

.: MÚSICA .: Babados do heavy metal

Mundo pequeno este do thrash metal norte-americano dos anos 80. Scott Ian, guitarrista do Anthrax, vai lançar uma biografia. Nela, fala não só sobre si mesmo e sobre o grupo que o tornou famoso, mas também sobre as bandas que dividiam a cena com ele. Mas aí, em entrevista para a Rolling Stone, Dave Mustaine, vocalista/guitarrista do Megadeth, aproveitou o ensejo para dar aquela cutucada básica no Metallica - como de costume, aliás. E disse que, de acordo com o conversado com Ian, ao final da última turnê do Metallica com o finado baixista Cliff Burton, ele, o guitarrista Kirk Hammett e o vocalista James Hetfield pensavam em demitir o baterista Lars Ulrich. E o mundo do metal começou um interminável burburinho.


No twitter oficial do Anthrax, alguém tratou de desmentir a informação, talvez com medo de uma retaliação por parte do Metallica. Mas o próprio Ian lá foi dizer que tem seu próprio perfil no twitter, que o outro é atualizado pelo webmaster da banda e que ele mesmo não nega nada do que Mustaine falou. O próprio Mustaine ainda vai além, dizendo para a revista "Classic Rock" que só soltou esta bomba para ajudar a promover a biografia do amigo.

E enquanto isso, o Metallica fica em silêncio. E nada se sabe a respeito dos motivos desta suposta proposta de demissão.

Minha opinião? Dave Mustaine é um excelente músico. Adoro o Megadeth. Mas , no que concerne ao Metallica, Mustaine é uma tia velha. Um resmungão. Ainda magoadinho por ter sido expulso da banda depois de meros dois anos no posto de guitarrista. Mustaine bebia demais, não era responsável e foi mandado embora. Pê da vida, levantou a cabeça, deu a volta por cima e criou o Megadeth. E deveria ter ficado feliz com isso, porque o grupo é bom, é forte e tem feito excelentes discos, inclusive recentemente. Mustaine construiu uma carreira sólida, mas não consegue deixar o Metallica para trás, aproveitando toda e qualquer oportunidade para provocar os ex-colegas de banda. É impressionante. Basta ver a cena em que ele e Ulrich discutem diante do psicanalista no documentário "Some Kind of Monster". É de doer. Cresça, homem. Continue o seu trabalho e supere o passado. Já se passaram vinte anos, jura que ainda não foi suficiente?

Um comentário:

Mitocôndrio disse...

Este Mustaine é um mala. E tem cabelo de poodle.