30/12/2010

.: MONDO NERD .: Os melhores (e os piores) de 2010, segundo o Observatório Nerd

Cinema - Melhor Filme
TOY STORY 3
Porque há muito tempo um final de filme não me emocionava como este. Vai, Pixar!

Cinema - Melhor Ator
ROBERT DOWNEY JR. (Homem de Ferro 2)
O cara nasceu para este papel, fala sério. Marvel, fica de olho. Não deixa o sujeito ir embora.

Cinema - Melhor Atriz
CHLÖE GRACE MORETZ (Kick-Ass: Quebrando Tudo)
O filme é um lixo. Mas a menina rouba a cena, sem qualquer sombra de dúvida.

Cinema - Melhor Diretor
CLINT EASTWOOD (Invictus)
Só mesmo um gênio para fazer quem não gosta de esportes se emocionar com um filme sobre rúgbi. Ou quase isso.

Cinema – Melhor Personagem
GRU (Meu Malvado Favorito)
Vilões megalomaníacos e egocêntricos são sempre ótimos. Ainda mais quando querem conquistar o mundo.

Cinema – Pior Filme
O FIM DA ESCURIDÃO
Pô, Mel Gibson. Fala sério. Você já fez “Coração Valente”. Faça-me o favor.

TV - Melhor Série
HOUSE
Para quem achou que a série não tinha mais para onde ir, eis um verdadeiro chute nos ovos.

TV – Melhor Ator
MICHAEL EMERSON (Lost)
“Lost” acabou – apenas para deixar claro que Ben Linus dominou a série desde o momento em que deu as caras.

TV – Melhor Atriz
KADEE STRICKLAND (Private Practice)
Precisa ser uma intérprete excelente para passar da maneira correta pela barra que passou a doutora Charlotte King e sem perder a mão.

TV – Melhor Personagem
SHELDON COOPER (The Big Bang Theory)
Ele continua sendo cada vez mais irresistivelmente insuportável. Onde vamos parar, em nome de Eru?

TV – Melhor Série Animada
HORA DE AVENTURA
Os recentes originais do Cartoon Network estão ficando cada vez melhores. Depois de Chowder e Flapjack, agora chega este cachorro maluco e seu moleque de estimação.

TV – Pior Programa de TV
LEGENDÁRIOS
Desculpa aê, Mion. Mas empacotar uma mistura rasa de “Pânico” e “CQC” e chamar de “revolucionário” não cola.

Quadrinhos – Melhor Título Mensal
VERTIGO (Panini Comics)
Posso parecer pedante. Mas é uma oportunidade de ouro poder acompanhar “Escalpo”, “Vikings” e “Vampiro Americano” em uma única revista.

Quadrinhos – Melhor Encadernado
CACHALOTE (Cia. das Letras)
Para quem ainda possa, porventura, ter alguma dúvida sobre o talento da nova geração de autores nacionais.

Quadrinhos – Melhor Escritor
LAERTE
Tô nem aí pro fato do camarada se vestir de mulher. Mas a nova direção das tiras dele está explodindo a minha mente – e num ótimo sentido.

Quadrinhos – Melhor Desenhista
RAFAEL ALBUQUERQUE
Duas histórias dentro de um mesmo título – no caso, “Vampiro Americano”. E o brasileiro consegue dar identidade própria a cada uma delas. Merece, vai.

Quadrinhos – Melhor Herói
CAPITÃO AMÉRICA (Bucky Barnes)
Nunca na vida imaginei que escreveria isso. Mas é a verdade. Maldito seja o Ed Brubaker. Alguém em Santos deve estar rindo de mim.

Quadrinhos – Melhor Vilão
LOKI
Odin abençoe Straczynski por ter transformado o irmão de Thor em um vilão de verdade, assustador e macabro, diferente da caricatura anterior. Medo total.

Quadrinhos – Pior Título Mensal
MARVEL MILLENIUM
A materialização do que existe de pior nos títulos “ultimate” pré-Ultimatum. Só se salvava o Aranha do Bendis. Dava vontade de rasgar a revista de tão ruim.

Música – Melhor Show
METALLICA
Para se redimir de “St.Anger”, eles lançam um bom disco (Death Magnetic) e ainda dão um pulo no Brasil para nos fazer bater cabeça com as velharias. E ainda teve cover do Queen. Sem mais para o momento.

Música – Melhor Álbum
REIMAGINATOR (Rock Sugar) e AT THE EDGE OF TIME (Blind Guardian)
Não tinha como não rolar um empate entre a mágica mistura entre pop e rock pesado e o retorno ainda mais triunfal dos bardos alemães.

Música – Melhor Videoclipe
THE GREAT PANDEMONIUM (Kamelot)
Que a Lady Gaga me perdoe. Mas basta colocar uma câmera na frente do Roy Khan que o camarada domina o espetáculo.

Música – Pior Álbum
KISKE & SOMMERVILLE
Kiske, que sacanagem. Chamas a dona Amanda pra cantar junto e fazes um disquinho meia-boca destes? E no qual ela mal tem destaque, coitada?

Música – Pior Show
MANOWAR
Pura frustração metálica. Entraram no palco como os reis do metal e saíram vaiados, aos gritos de “Iron Maiden”. Tsc.

Nenhum comentário: