29/10/2013

.: CINEMA .: Uma nova opção para o papel da Rainha?

Sacha Baron Cohen saiu do projeto que levará para os cinemas a vida do finado vocalista do Queen, Freddie Mercury. E eu devo dizer que comemorei – porque sei que é um bom ator, sei que ele é comprometido, mas sei também que ele tinha um interesse particular numa faceta mais dark da vida do Mercury, focando nas drogas, na vida sexual liberal. E eu odeio o "Borat", me perdoem.

Então, ele que #chupe. Boatos de plantão davam conta de que Daniel Radcliffe, o Harry Potter, estaria sendo cotado para o papel, o que é bem estranho. Mas eis que uma nova rodada de boatos agora fala no nome de Dominic Cooper – conhecido dos nerds por ter vivido o pai de Tony Stark, Howard, no primeiro filme do Capitão América. "Ele seria uma escolha esperta, porque além de atuar, também sabe cantar", opina o site Latino Review. Gosto bastante de ideia, aliás. :)


Com foco nos anos de formação da banda e prosseguindo até o lendário show no Live Aid, em 1985, a trama deve ter aprovação prévia dos outros integrantes da banda: Brian May, Roger Taylor e mesmo o recluso baixista John Deacon. A intenção é que os últimos anos da vida de Mercury e sua luta contra a AIDS sejam abordados apenas brevemente – ou nem acabem entrando em discussão, se bobear.

Não existe qualquer previsão de data de estreia.

Nenhum comentário: